quarta-feira, 21 de setembro de 2011

GENTE DEMAIS



Exatidão escrota
Escrotidão exata

Não quero aplauso
Não quero pressa.
Eu quero é ficar ociosa! Porque às vezes não temos mesmo nada para fazer, ficamos sem a urgência de viver e assim, sem a exigência do dever permanente de acertar.

Uma fresta de luz do sol ou do luar surge para iluminar um desgosto que mora no escuro com a total descrença e falta de fé no sentimento humano, face a real condição de si que é a de ser humano e só.

A moral da história é que a maioria não é nada de mais, e sim egoísta demais
Excepcional demais
Importante demais
Correto demais
Esperto demais
Parceiro demais
Confiável demais
Bonito demais
Todo mundo é demais de mais!

Para mim, gente incrível demais me assusta.

Ninguém quer falhar, mas falha
Ninguém quer deixar a vida, mas morre
Todo dia de vida é um dia a menos de vida,
E um dia a mais, mais perto da morte.

Não dá para prever quando a vida vai acabar e disso você já sabia.

Prece do dia:
Que as minhas palavras sobre a vida triunfem em algum momento no tempo.
Não acho que vou estar aqui pra ver, mas disso eu já sei.

Eu sei das minhas coisas...
Eu sei das minhas coisas...
Eu sei da insônia e das frutas azedas do universo.

Estamos na era das pessoas mais incríveis, ever.


Da série: “Gente viva é meu dom.”
21/09/11














Nenhum comentário:

Postar um comentário