quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Então...


Não vou escrever de amor porque não vai valer à pena

Acena quando eu despedir de ti a cena
Contudo não vou preocupar-me se,
Por acaso, eu mergulhar na minha falta de você
Lembrar da angustia em não te ter
Aperta então, ao desistir, a minha mão
Quer resistir, em te deixar o hoje levar,
De perto aqui tudo de ti,
E eu vou tentar me convencer
Que a vida vai vir sem você,
Não quero mais sofrer em vão,
Eu vou calar meu coração,
Então... Então...

Isabel
31.10.11

Nenhum comentário:

Postar um comentário